PUB

chamusca filhadamae

PUB

insantarem

Imagem de arquivo / ilustrativa

O Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas do Comando Territorial de Santarém da GNR, em colaboração com o Departamento de Fiscalização da Segurança Social e a Autoridade de Saúde Local encerraram dois lares nos concelhos de Salvaterra de Magos e Cartaxo.

Slide thumbnail

Os encerramentos ocorreram após duas ações de fiscalização, realizadas a 3 e 9 de julho, espoletadas por uma denúncia pelo crime de maus-tratos a idosos, que não viriam a ser confirmados.

No entanto, na sequência dessa investigação, que decorria há cerca de um mês, os militares identificaram as proprietárias dos referidos lares, duas mulheres de 68 e 64 anos, que mantinham os idosos em condições inapropriadas.

“Das diligências efetuadas, foi ainda possível apurar que os lares se encontravam a funcionar ilegalmente, tendo a Segurança Social procedido ao encerramento administrativo dos mesmos”, esclarece a GNR em comunicado, avançando que “os factos foram remetidos para o Tribunal Judicial de Santarém”.

Fonte da investigação explicou à agência Lusa que “as pessoas não estavam em perigo”, avançando que o lar de Salvaterra de Magos acolhia cinco idosos e o lar do Cartaxo sete pessoas, que se mantêm todos nos respetivos lares, apesar do encerramento administrativo, uma vez que a Segurança Social não consegue assegurar capacidade de resposta para os acolher em outros lares.



banner opticenter

 

PUB

PUB

PUB

Quem está Online?

Temos 370 visitantes e 0 membros em linha