PUB

chamusca ascensao

PUB

cms familias

PUB

O principal suspeito do homicídio de Ricardo Porfírio, o jovem militar de 21 anos residente na Branca, concelho de Coruche, vai aguardar julgamento em prisão preventiva.

Slide thumbnail

O arguido, de 31 anos, saiu algemado e conduzido por inspetores da Polícia Judiciária (PJ) do Tribunal de Santarém pelas 22h15 desta quarta-feira, 24 de abril, depois de ter sido ouvido por um juiz de instrução criminal que lhe aplicou a medida de coação mais gravosa.
Entre outros crimes, está acusado do homicídio qualificado de Ricardo Porfírio, que foi encontrado carbonizado em Vale do Coto, Caldas da Rainha, debaixo de uma viatura abandonada num terreno agrícola.
A vítima, que era paraquedista em Tancos, estava desaparecida desde 15 de abril, dia em que deixou de ter contatos com familiares e amigos.
O alegado homicida, que reside em Caldas da Rainha, terá agido por raiva e ciúme, tendo assassinado o novo amante do seu namorado, em circunstâncias que estão a ser apuradas pelas autoridades.

 



PUB

PUB

PUB

PUB

PUB

Quem está Online?

Temos 473 visitantes e 0 membros em linha